08 de janeiro de 2019 Reviews e Análises

Nos indagamos… Onde terminam os sonhos e começam os pesadelos? Talvez a pergunta mais apropriada seja… Onde terminam os pesadelos e começa a realidade.

De uns tempos pra cá parece que os Titãs foram redescobertos, ganhando série de TV, séries animadas e até longa de animação no cinema - que muitos chegaram a dizer ser o melhor filme da DC de todos os tempos (vai entender...). Mas, e nos quadrinhos, quando tudo isso começou?

A história dos Titãs começa lá nos idos da década de 60, com o pimposo nome de Turma Titã. O grupo era formado por Robin, Aqualad e Kid Flash, inicialmente, tendo mais tarde a adição da Moça Maravilha. Um tempo depois mudaram o nome para Jovens Titãs, mas o estigma de grupo-adolescente-de-ajudantes-de-super-heróis, mesmo depois de outras formações, de cancelamentos e retornos se manteve até que a década de 80, quando George Pérez e Marv Wolfman revolucionam o título.


Assim surgiu Os Novos Titãs, com uma reformulação da equipe que manteve do grupo original Robin (Dick Grayson), Kid Flash (Wally West) e Moça Maravilha (Donna Troy); trouxe Mutano (que nessa época deixou a alcunha de Rapaz-Fera pela qual era conhecido na Patrulha do Destino); e criaram três novos personagens: Cyborg (Victor Stone), Ravena e Estelar (Koriand'r). 

O grande sucesso se deu não só pelas aventuras do grupo, mas pelas agruras e conflitos vividos por todo jovem adulto que era aprofundado nas histórias. As personagens ganharam complexidade a ponto de rivalizar em vendas no período com outro grupo de adolescentes: os X-Men de Chris Claremont.

Para conhecer mais essa fase, indico o encadernado lançado pela Panini Comics em 2018  Lendas do Universo DC: Os Novos Titãs - George Perez Volume 1 que traz as seis  primeiras edições de The New Teen Titans (novembro/1980 - abril/1981) antecedidas por “Onde os pesadelos começam?” publicada originalmente em DC Comics Presents número 26 (Outubro/1980).


E onde os pesadelos começam? 

“Onde os pesadelos começam?”  já mostrava, pela sua estrutura, que poderíamos esperar do novo título dos Titãs algo diferente do que tinha sido até então. Na história encontramos Robin, ajudando a polícia de Nova York (nada de Gotham City) a capturar um grupo de terroristas que entraram nos laboratórios S.T.A.R. O problema é que o menino-prodígio começa a ter alucinações com uma outra ameaça - uma espécie de protoplasma inteligente libertado por um cientista que conseguiu abrir a porta para outra dimensão - e que nessa nova missão era ajudado por um grupo do qual fazia parte, mas que nunca tinha ouvido falar, os Titãs. No final, ambas as ameaças são contidas, e descobrimos que Ravena estava mostrando um pouco do futuro para Robin.

The New Teen Titans

Nas seis edições que se seguem acompanhamos o resgate de Estelar, lemos a primeira menção a C.O.L.M.E.I.A, descobrimos o motivo pelo qual o Exterminador odeia os Titãs, presenciamos a criação do Quinteto Mortal, um confronto com a Liga da Justiça e o real motivo pelo qual Ravena reuniu os jovens heróis.



Título:
 Lendas do Universo DC: Os Novos Titãs - George Perez (Volume 1)
Autor: Marv Wolfman (roteiro) e George Pérez (arte)
Tradução:  Jotapê Martins
Editora: Panini Comics
Ano: 2018
ISBN: 9788542609967
Ficha técnica completa no Guia dos Quadrinhos