03 de abril de 2018 Reviews e Análises

 


 

"Ella e John", conta a história
de um casal idoso, interpretado por nada mais nada menos que
Hellen Mirren e
Donald Sutherland

Eles estão casados a mais de
30 anos e já passaram por várias coisas juntos ao longo da vida. Com filhos e
netos já adultos e bem encaminhados, Ella decide, que ela e John vão “tirar umas
férias” e sem avisar a ninguém os dois saem viajando pela estrada, no
“The
Leisure Seeker”
(trailer, que usavam para tirar férias com os filhos nos anos
1970
e que está a alguns
anos parado na garagem) em direção a Key West.


O filme se
desenrola a partir dessa "Road trip", e  logo na primeira cena vemos o filho do Casal interpretado
por
Christian McKay (Rush), chegando para visitar os pais e
encontrando apenas a casa vazia. O filho então entra em desespero ligando para
sua irmã Jena Moloney ( Law and Order) e comunicando que os pais e o trailer sumiram, e é aí que descobrimos,
que a preocupação dos filhos vai além dos pais serem apenas idosos e estarem sozinhos na estrada.  John, sofre de Alzheimer (uma doença, que causa perda de memória) e Ella, que no
decorrer do filme, vai nos revelando que possui um tipo de câncer avançado.


Paolo Virsì trabalha
a direção desse filme de uma forma muito sensível, fazendo com que o
enquadramento conte  e fortaleça cada detalhe da história desse casal, onde o espectador
vai descobrindo gradativamente, não só sobre a vida do casal, mas como a doença
deles vai interferindo na história (sem forçar ou ser dramático).

Ella é uma mulher
fortíssima e extremamente dedicada ao marido, passa todos os dias de sua vida “sendo
a memória” de John. Com uma paciência absurda e um amor incondicional, que transcende a barreira do tempo, de uma forma muito bonita e real .

A delicadeza
da direção de Virsì, nos presenteia também com uma aula sobre essa doença triste
que é o Alzheimer e a forma que essa doença afeta não só quem tem, mas as
pessoas próximas. 



Além de nos mostrar como se faz uma comédia/drama,
sem forçar absolutamente nada, 
a trama apresenta várias situações engraçadas,  que são de extremo
bom gosto e nos fazem rir de uma forma muito sincera.  Se eu pudesse definir
esse filme em uma palavra, certamente seria:
“sorriso”. Desde o primeiro
momento em que entrei na sala de cinema até o ultimo minuto, eu estava sorrindo. Com um final que te faz pensar e refletir sobre muitas coisas,
 Ella & John é um filme emocionante e cativante, não só pelas
atuações magníficas de
Donald Sutherland (que eu achei realmente que estava com
Alzheimer) e da
Helen Mirren, mas também pela direção, roteiro, trilha...enfim.

O filme
estreia dia 5 de Abril em todos os cinemas Brasileiros e é uma
 excelente pedida para distrair, relaxar e se
sentir leve e feliz.


NOTA: 4,5